Distribuição do remédio para portadores do vírus HIV será normalizado na próxima semana

20/10/2017 |

Um portador do vírus HIV, escreveu para a redação do portal PA4, na tarde desta sexta-feira 20, e na condição de anonimato, e se disse muito preocupado com o atraso no repasse de uma medicação fornecida pelo Estado e repassada aos pacientes pela Secretaria de Saúde de Paulo Afonso, através do CTA-CETA.

 

“Isso é muito grave, estão esperando alguém morrer para poderem providenciar essa medicação. Infelizmente não posso denunciar explicitamente pois não posso me expor”, disse.

 

O PA4 entrou em contato com o secretário de saúde, Ivaldo Sales Júnior e com a superintendente de Vigilância Sanitária, Naira, sobre o atraso e nos foi explicado o seguinte:

 

“Não há atraso no medicamento para pacientes que já fazem o tratamento há algum tempo, estes que estão atrasados são ‘pacientes virgens’, ou seja, que ainda não tomaram nenhuma medicação para combater o vírus. Há três meses o Estado vem fazendo a distribuição para eles, e desde o dia 1º, que a CTA-CETA fez o pedido, porém, ainda não chegou. Ainda de acordo com a superintendente, era 12 pacientes e agora são 16. “Nós tivemos a informação que a medicação chega na próxima semana”, acrescentou.

 

Salientando que a prefeitura tem a obrigação de fazer a triagem dos pacientes, mas que a distribuição dos medicamentos é de responsabilidade do Estado.

2016 - todahora.net
Todos os direitos reservados
75 99286-0035 / 75 99805-6789
falecom@todahora.net